terça-feira, 12 de junho de 2012

O que é Dekassegui?

Muitas pessoas me perguntam o que significa a palavra “Dekassegui”?
É um termo formado pela união dos verbetes na língua japonesa (deru=sair) e (kasegu=para trabalhar), tendo como significado literário “trabalhando distante de casa”, e designando qualquer pessoa que deixa sua terra natal para trabalhar temporariamente em outra região ou país.

Esse termo era utilizado para designar os japoneses das províncias mais isoladas, na região norte do país, onde o inverno é muito rigoroso, e os trabalhadores rurais acabam migrando para os grandes centros em busca de trabalho nas indústrias, deixando a família e retornando no verão.

No fim dos anos 80 e inicio dos anos 90, o termo “Dekassegui” começa a ser muito utilizado aqui no Brasil para denominar os brasileiros descendentes de japoneses que passaram a imigrar para o Japão à procura de melhores oportunidades de trabalho, promovendo uma inversão do fluxo migratório entre o Brasil e o Japão. A palavra provavelmente foi introduzida pelos japoneses que vivem no Brasil, pois na época em que moravam no Japão, essa palavra era usada com frequência.

Atualmente, a palavra “Dekassegui”, não é mais utilizada pelos japoneses, pois se trata de uma palavra discriminatória. Para se referir aos brasileiros que vivem no Japão, os japoneses tratam por “estrangeiros” ou simplesmente de “brasileiros”.

Esse fluxo migratório foi denominado por muitos como: “Movimento Dekassegui”, e a cada ano, o número de brasileiros que desembarcava no Japão, aumentava consideravelmente, todos em busca de um mesmo objetivo: economizar o máximo  possível e retornar ao Brasil para investir suas economias, geralmente na abertura do próprio negócio.
Escola brasileira no Japão

Com o passar dos anos, a economia japonesa foi se estabilizando e diminuindo a onda de crescimento, consequentemente, diminuindo a produção nas empresas, caindo muito a quantidade de horas extras. Tudo isso fez com que muitos brasileiros prolongassem sua estada no país, e mais bem adaptada à cultura e tradição, acabaram trazendo toda família. Muitas pessoas se adaptaram tão bem que resolveram se estabelecer definitivamente no Japão, passando da condição de dekassegui para imigrante, que é o movimento populacional, geralmente em caráter permanente com intenção de trabalho e residência, de um país para outro.

A imigração em geral ocorre por iniciativa pessoal, pela busca de melhores condições de vida e de trabalho por parte dos que imigram, fatores esses que apesar da crise econômica mundial e os constantes desastres naturais, continuam atraindo os brasileiros, e mesmo em menor número, continuam desembarcando em terras japonesas.


Um comentário:

  1. Para que o verbete fique mais claro aos seus leitores, caro Clóvis, basta associar aos nordestinos que vieram ao sudeste para fazer pé-de-meia, não para ficar. Ou seja, aqueles que, nos finais de ano, víamos muito nos terminais de ônibus com um fogão ou um aparelho eletrônico nas costas para levarem às suas terras natais. Ou seja ainda, esses nordestinos temporários são os dekasseguis dp patropi. Abs.

    ResponderExcluir